(41) 3030-9090   (41) 3525-2355 (41) 3071-3535 (41) 3888-6777 atendimento@jbaimoveis.com.br

terça-feira, 3 de junho de 2014

Qual a melhor opção para financiar um imóvel?

08:00

Compartilhe!


Na prática, o consumidor vai optar por pagar um total menor, com parcelas iniciais maiores e decrescentes, ou pagar um total maior, com parcelas menores e constantes. É a diferença básica entre, respectivamente, o Sistema de Amortização Constante (SAC) e a Tabela Price, as duas principais formas de amortização de dívida em financiamentos imobiliários no Brasil.

No SAC, preferência dos bancos privados, as amortizações do valor emprestado são constantes em todo o prazo do financiamento, com prestações decrescentes. Ao longo do tempo, e até hoje, é o modo bastante aceito por quem tem poder aquisitivo maior, já que as parcelas iniciais são elevadas e comprometem mais o orçamento.

A lógica é simples: quanto mais amortizada a dívida inicialmente, menos se paga no final. Se começa amortizando menos, são gerados mais encargos, o que vai deixá-la mais cara. Sempre se recomenda, se puder, fazer o SAC. Vai pagar uma parcela maior no começo, mas vai economizar no financiamento.

A Tabela Price - um sistema francês -, já é utilizada, por exemplo, na compra de eletrodomésticos. São parcelas iguais, já inclusos os juros. No financiamento via Price, paga-se cerca de 10% mais no total. Muitas pessoas fazem o Price porque não têm outra opção para caber no orçamento.

Por muito tempo, a Tabela Price prevaleceu, tendo em vista que só havia prazos de financiamentos pequenos, no máximo 10 anos. Pelo SAC. Hoje, com prazos de até 35 anos, é fácil e possível financiar por esse sistema.




Incertezas

A Caixa Econômica mudou as regras para utilização da Price, para estimular o SAC. Para operações realizadas a partir de 23/09/2013, as condições são máximo de 70% de cota; prazo de 240 meses (20 anos) e comprometimento de renda de no máximo 25.

 Afirmou que os financiamentos já efetivados não serão alterados. As propostas aprovadas até 23/09/2013, desde que o financiamento seja finalizado até 31/10/2013, também serão mantidos.

A vantagem da Price é que possibilita um valor financiamento 30% superior ao que se consegue no SAC. A decisão da Caixa, de priorizar o SAC, é um posicionamento estratégico, uma vez que dá maior sustentabilidade para o sistema e maior garantia de se manter o atual ciclo virtuoso do crédito imobiliário.




*As informações acrecidas são de responsabilidade da fonte. Procure o seu agente financeiro e saiba qual tipo de financiamento melhor convém com o seu orçamento.
Fonte: Jornal de hoje

0 comentários:

Postar um comentário