(41) 3030-9090   (41) 3525-2355 (41) 3071-3535 (41) 3888-6777 atendimento@jbaimoveis.com.br

terça-feira, 5 de setembro de 2017

As montanhas mais coloridas do mundo

07:00

Compartilhe!
Todo mundo sabe que um pouco de cor pode mudar totalmente um lugar, além de alegrar o ambiente. O curioso é pensar que a regra pode valer também para montanhas: algumas espalhadas pelo mundo são tão coloridas que se tornaram atrações imperdíveis e de cair o queixo! Ficou interessado? Continue lendo para descobrir quais são elas.

Vinicunca, Peru

A cerca de 4 horas de Cusco, no Peru, está Vinicunca, a montanha que tem conquistado os latino-americanos nos últimos tempos! É necessário fazer uma trilha para chegar até a parte mais famosa, com sua textura multicolorida. Quem estiver com pressa pode fazer um day-trip, porém, vale a pena ficar um pouco mais para conhecer a cultura e a comunidade local.



Parque Geológico Zhangye Danxia, China

As multicoloridas montanhas do Parque Geológico Zhangye Danxia, na China, parecem ter saído de uma tela de pintura. Localizadas na província de Gansu, elas ganharam seu charme graças às formações de arenito, depósitos minerais, movimentos da crosta terrestre e condições climáticas que causaram a transformação do local. Assim como no Peru, a atração tem atraído muitos turistas recentemente.



Landmannalaugar e Saga Valley, Islândia

A terra do frio também faz parte da lista! Considerado um dos lugares mais inspiradores da Islândia, as montanhas coloridas de Landmannalaugar atraem os apaixonados por caminhada. Elas são compostas por riólito, uma rocha vulcânica também chamada de quartzo-pórfiro. Desta região, a vista se dá para o vulcão ainda ativo Mt. Hekla.



The Wave, Estados Unidos

Também nos Estados Unidos, mas desta vez no estado Arizona, está The Wave. A formação rochosa tem formato ondulado e por isso recebeu este nome, que significa “A Onda” em português. Sua paisagem passa por vários tons de laranja, vermelho e até dourado! Ela existe em razão das erosões pela água no período Jurássico. Depois, o vento deu uma ajudinha para deixa-la ainda mais sinuosa e bonita.


Fonte: UOL

0 comentários:

Postar um comentário